Nesta última visita que eu fiz com a minha dona à sua terra, onde ela foi ter com a sua família e outros companheiros (menos importantes que eu, provavelmente!!!) presenciei algo de muito importante que agora neste meu quartinho resolvi falar...

O <a name='incorrect' class='incorrect'>Snoopy</a>

     Este é um dos mais pequenos membros da grande família de animais que fazem parte dos amigos inseparáveis da minha dona. Tem como nome Snoopy ", um cão raçado com os comuns "salsicha", de pelo curto e pequeno...  Bem pequeno o raio do animal, pois eu, Minuche , a Princesa felina da minha dona, sou quase do mesmo tamanho dele, ou ainda maior... Por isso ele não me mete medo... Mas há por aí um animal muito mais pequeno que é muito capaz de me deixar de pelos bel arrebitados, e com bastante medo... Esse animal pertence à família dos aracnídeos e designa-se comummente como Carraça.

     Ora, como não chegasse o facto de estes pequenos bichos insuportáveis, pelo facto de por vezes passearmos num jardim, saltarem logo para o nosso pelo, sem que nós nos apercebamos, estes animais são transportadores de outros ainda mais pequeninos que que nos causam uma doença, também transmissível aos humanos, denominada "Febre da Carraça" ou também conhecida como "Febre dos Fenos", dado a ser mais nesses locais onde podemos encontrar esses bichinhos que nos infestam, nos mordem, e nosso sangue sugam, sem pedir licença nenhuma...

     E então este meu amigo de 4 patas, mas de família diferente, apanhou...

   Primeiro começou por não comer muito... A andar muito abatido, e a emagrecer rapidamente sem que se pudesse perceber logo a causa. Após isso tinha diarreias sanguinolentas e astenia (perca de forças e abatimento), ficando sempre alojado na sua caminha, sem vontade de se levantar... Mas após uma consulta eficaz com um veterinário e com as medicações adequadas, era o ver dia para dia a recuperar, a ganhar mais vontade para comer, mais gana para se levantar e caminhar... Aos poucos, é verdade... mas agora ele está já 100% recuperado. Tudo graças a um cuidado diagnóstico numa clínica veterinária, ponto chave para que o Snoppy pudesse de novo sorrir, correr e saltar atrás da minha dona.

     E é isso que eu aviso, meus caros leitores... É bom que se informem mais sobre esta simples doença, pois segundo a informação de alguns veterinários em conversa com a minha dona sabe-se que este ano, possivelmente devido a um período grande de seca que tivemos no ano passado, e devido a termos um início de estação quente, temos tido maior desenvolvimento destes bichinhos irritantes e de todo perigosos, não só para nós, lindos e amados felinos, mas também para os nossos donos... Por isso, meus caros leitores, continuem atentos aos vossos animais de companhia, pois estes pequenos bichinhos, mesmo que nós não andemos muito pelas ervas ou jardins, o simples facto de os nossos donos poderem por lá andar uma vez por outra, poderão trazer aqueles bichinhos ligados à roupa, e eles ao se aperceberem dos nossos lindos e majestosos pelos suaves, saltam logo e começam o seu ataque...

     Eu já estou prevenida... E vocês???

 

Até ao próximo artigo... MIAUUU !!!

sinto-me: beijinhos para todos
música: Kenny G - The Essential
publicado por Shadow_Fighter às 18:48